Só deu Serra nas urnas chiques do Leblon

O Leblon, bairro dos mais coroados do Rio, “serrou” geral. Em uma das seções da zona eleitoral da Escola St. Patrick’s, na urna mais chiquérrima, até com paparazzi na porta, deu Serra na cabeça! A saber: 143 votos pra ele; 93 para Marina Silva e modestos 60 votos pra Dilma Rousseff. Plínio também foi contemplado nessa urna, com 4 votos, e Ivan Pinheiro com um só. Será que ele é morador do bairro? Releva notar que há um badaladíssimo comitê do tucano a dois quarteirões da escola, na loja onde foi o McDonald’s. Saiu tio Ronald McDonald, entrou tio Ronald McSerra…

Anúncios

Sobre Hildegard Angel

JOURNALIST
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

16 respostas a Só deu Serra nas urnas chiques do Leblon

  1. Querida Hilde
    Tudo bem com você? Estivemos juntas na apresentaçao que fiz com Jane Strauman!
    Leio sempre as noticias de seu blog e adorei a nota sobre o Musica no Museu.
    Estou fazendo um projeto chamado “Divina Elizeth” e passo para você a nota e agradeço muitissimo a divulgação!
    Melhor so tê-la em um dos eventos como minha convidada!!
    Beijo carinhoso

    Eliane Salek

    A cantora e instrumentista Eliane Salek apresenta nas duas proximas quintas-feiras 7 e 14/10 no Teatro Café Pequeno às 18 h o show Divina Elizeth, em homenagem aos 90 anos da grande diva da musica brasileira, Elizeth Cardoso.

  2. MaLu diz:

    Para votar no Serra, só mesmo sendo morador do Leblon… Arghhhhh

  3. Carlos Montenegro Serrano diz:

    Hilde, a verdade precisa prevalecer:
    Já que eles querem “politizar” a questão do aborto na campanha é preciso exclarecer. Ministro Serra autorizou muito aborto
    Serra é o único candidato que já assinou medidas para fazer ABORTOS no SUS, quando ministro da saúde
    Isso não é boato, é fato, está documentado abaixo. Repasse essa verdade adiante, em suas listas de email, nas redes sociais, responda a quem criticar Dilma sobre o assunto, imprima e mostre a amigos, na igreja, para recolocar esse assunto no seu devido lugar.
    Para o eleitor votar consciente (seja a favor ou contra) e não ser enganado, a primeira verdade que precisa saber é:
    O único candidato a presidente nestas eleições que já assinou medidas para fazer abortos foi José Serra (PSDB), quando foi Ministro da Saúde, em 1998.

    Ele assinou norma técnica para o SUS (Sistema Único de Saúde), ordenando regras para fazer abortos previstos em lei, até o 5º mês de gravidez.
    A íntegra da norma pode ser lida aqui: http://www.cfemea.org.br/pdf/normatecnicams.pdf

    Abaixo, alguns trechos da Norma:

    “A garantia de atendimento a mulheres que sofreram violência sexual nos serviços de saúde representa, por conseguinte, apenas uma das medidas a serem adotadas com vistas à redução dos agravos decorrentes deste tipo de violência. A oferta desses serviços, entretanto, permite a adolescentes e mulheres o acesso imediato a cuidados de saúde, à prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e à gravidez indesejada.“

    “As equipes envolvidas diretamente na assistência deverão receber treinamento sobre o atendimento humanizado às mulheres que poderão ser submetidas à interrupção da gravidez. Os médicos deverão, além disso, ser treinados para a utilização das diferentes técnicas recomendadas para a interrupção da gestação.“

    “Esse atendimento deverá ser iniciado por ocasião da primeira consulta, devendo estender-se a todo o período de atendimento à mulher e após a interrupção da gravidez“

    “…se a mulher estiver grávida ou suspeitando de gravidez, deve-se identificar claramente a demanda trazida por ela, focalizada nos seguintes aspectos: identificação do desejo de interrupção da gravidez ou não, discussão a respeito dos direitos legais já garantidos à mulher, existência de valores morais e religiosos que possam determinar ou influenciar a decisão da mulher e a discussão de alternativas à interrupção da gravidez, como a entrega da criança para adoção, a realização de pré-natal etc.“

    “VI. ATENDIMENTO À MULHER COM GRAVIDEZ DECORRENTE DE ESTUPRO
    Esse atendimento deverá ser dado a mulheres que foram estupradas, engravidaram e solicitam a interrupção da gravidez aos serviços públicos de saúde.“

    “Procedimentos para a interrupção da gravidez
    O procedimento deverá ser diferenciado, de acordo com a idade gestacional.
    I. Até 12 semanas, podem ser utilizados, para o esvaziamento da cavidade uterina, os dois métodos identificados a seguir.
    1. Dilatação do colo uterino e curetagem
    2. Aspiração Manual Intra-Uterina (AMIU)“

    • Josi Barros diz:

      Carlos Montenegro,
      O Serra enquanto Ministro da Saúde estava apenas regulamentando uma norma já existente prevista em Lei. Fazia parte da função dele e a Lei já existia desde 1940. Mulheres vítimas de estupro e com gravidez que envolva risco de morte para a mãe podem fazer aborto (até hoje essa Lei é válida no Governo Lula). Lamento, apenas, que você apareça aqui para tratar a questão de maneira superficial tentando atacar o candidato Serra, quando a candidata Dilma até recentemente (começo de 2009) declarava ser favorável a descriminação do aborto. O tema é muito sério para ser objeto de disputa eleitoral rasteira já que se refere a vida de milhares de mulheres e de seus filhos.

  4. Carlos Montenegro Serrano diz:

    Josi Barros, para os religiosos, NENHUM tipo de aborto é aceito. Portanto, o que se discute não é se o Serra “autorizou” abortos porque mulheres foram estupradas. Para essas pessoas “religiosas” que dizem que a Dilma é a “favor” do aborto, o que conta é que ele quando foi ministro da saúde, não se posicionou contra essa prática e ainda autorizou vários.
    Não estou “atacando” a candidatura do Serra. Não sou petista, só estou rebatendo uma séries de boatos espalhados pela internet , pela campanha do Serra, para associar a candidata Dilma com a defesa do aborto. Portanto, essas baixarias, essas rasteirices têm partido da campanha do Serra, que se esconde atrás de muitos nomes ficticios para disseminar esse tipo de boatos.
    E mais essas novas sobre abortos no SUSnão foram criadas em 1940, foram criadas na gestão Serra.

    • Josi Barros diz:

      Carlos Montenegro,
      Graças a Deus o Brasil é um país laico (ou pretende ser).
      Quanto a suposta “autorização” de Serra, ela inexiste. A mulher violentada tinha que entrar com uma ação na Justiça solicitando autorização para realizar o aborto, quando a situação era permitida por lei. Acredito que até hoje é esse o procedimento exigido. Ou seja, a autorização era dada por decisão judicial, mas a “culpa” também não é do Judiciário. Como eu já disse, existe uma Lei Federal regulamentando a situação que só pode ser modificada por outra Lei Federal aprovada pelo Congresso ( não pode ser modificada por norma do Ministério da Saúde que é inferior do ponto de vista da hierarquia legal). Resumindo: existe uma Lei Federal de 1940 que exige uma decisão Judicial. O que o Ministério da Saúde faz é tão somente regulamentar a Lei ( o Ministro da Saúde tem obrigação legal de fazer isso. Ele não está acima da Lei aprovada pelo Congresso). Por último, fica a pergunta: Já que a campanha da Dilma sempre afirma que o país mudou com a ajuda dela (que ela é a mãe do PAC e etc) porque ela não se deu ao trabalho de propor uma mudança na Lei que trata do aborto? A mudança poderia ter sido submetida a discussão pela população. Ela e o Governo tiveram 8 anos também para fazer isso. Como se vê, o enganado aqui é o eleitor. A verdade é que, possivelmente, os dois candidatos são favoráveis ao aborto em caso de estupro e risco de vida para a mulher (penso do mesmo jeito), mas nenhum deles tem coragem de admitir por pressão de parte do eleitorado, o que é lamentável.

      • Carlos Montenegro Serrano diz:

        Josi Barros, eu não entrei no mérito se o que o então ministro da saúde José Serra, fez foi ou não autorizado por decisão judicial. O que eu disse é que a campanaha do Serra está tentando “politizar” a questão do aborto e associar a candidata Dilma como defensora de tal prática. Mas como há vários documentos e não boatos, provando que Serra criou a norma para orientar o SUS na realização de abortos “permitidos por lei”.

        “Desde que o Ministério da Saúde, em novembro de 1998, editou a Norma Técnica “Prevenção e Tratamento dos Agravos Resultantes da Violência Sexual contra Mulheres e Adolescentes” instruindo os hospitais públicos a abortarem crianças de até cinco meses concebidas em um (suposto) estupro, várias vezes tal órgão público recusou-se a fornecer informações sobre os abortamentos realizados no SUS em função dessa Norma.
        Essa norma foi editada na época do Ministro José Serra, e continua sendo usada agora, na gestão do Ministro Humberto Costa, que incluiu em seu programa de governo a continuidade da prática de abortos com dinheiro público”

  5. Gisele Pontes Correa diz:

    Na verdade, o Serra se parece e muito com o Smigol do Senhor dos Anéis. Eu acho que o personagem foi inspirado nele. rs

  6. Cadu Ferreira diz:

    Esse é o o eleitor do Serra, essa gente que fica de frente para o mar e de costas para o Brasil. É uma “elite” sórdida, egoísta, preguiçosa e extremamente corrupta (mas que só enxerga a corrupção dos outros). Ou então a “elite” paulistana, provinciana, pretensiosa, culturalmente atrasada e que acha que São Paulo é Nova York , Londres ou Paris. É por causa dessa gente que o Brasil ainda é um dos países mais desiguais e atrasados do mundo. Essa gente durante várias décadas se locupletaram das riquezas desse país e não deram NADA

  7. Bertoldo Chagas diz:

    Essa tal de Malu, que diz que no Leblon só se vota no Serra, deve morar pra lá da Baixada. Deve ser uma suburbana nata. Dessas que só entram na internet enquanto o vizinho sai de casa e deixa a chave com ela. É uma recalcada. Cuidado, porque a Dilma está despencando e vai perder.

  8. Bertoldo Chagas diz:

    O tal do Cafu Ferreira sei lá o que merece ser internado pelo Sistema Único de Saúde. Só fala besteiras. Deve ser petista apenas com o primeiro grau. Não conseguiu diploma nem de datilógrafo.

  9. Cadu Ferreira diz:

    E esse Bertoldo ou seria bestoldo Chagas, provavelmente é um ancião que adora uma ditadura militar e ainda vive no século passado. Se ele vestiu a carapuça sobre o que eu escrevi a respeito da “elite”, ele deve ser um bajulador dessa “elite”, porque certamente não faz parte dela. A nossa “elite” tem futilidades demais para gastar seu tempo, não ia perdê-lo escrevendo sandices em três linhas, num blog.
    Esse Bestoldo é tão “culto” , tão “high society”, que a única “habilidade” dele é escrever xingamentos e dizer baixarias, coisas que qualquer mentecapto, como ele faz muito bem.
    Passe bem, se puder, senhor Bestoldo..kkkkkkkkkkkkk

  10. Bertoldo Chagas diz:

    Esse tal de Cadu Ferreira (pode ser um apelido, típico dos covardes) precisa ler, estudar e viver muito para entender o que é democracia. Com a máxima venia, não pretendo perder meu tempo com ele, até porque Cadu deixa nas entrelinhas sua admiração pela “democracia” cubana ou coisa que o valha. Deve ser um bajulador barato dos poderosos vermelhos de plantão. Deveria ir para Havana. Com passagem apenas de ida. Ele fala em corrupção, mas esquece, de propósito, a gera pelo PT. Vá estudar e trabalhar, meu caro.

  11. Cadu Ferreira diz:

    Ah senhor Bestoldo, se emenda. Você é tudo aquilo que falei no primeiro comentário.
    Percebe-se pelo seu texto, o “poço de cultura ” que você é. Vejo nas entrelinhas, que suas ideias são antiguadas, obsoletas mesmos. A idade para você não trouxe sabedoria. Pena! E como diz a Danuza Leão: ficamos combinados assim!
    Ah e meu nome completo é Carlos Eduardo Ferreira Guimarães, formado em Economia pela PUC/RJ, em 2006…
    Boa sorte e passe bem, se puder..rsrs

  12. Bertoldo Chagas diz:

    Caro Cadu, tive um pesadelo. Sabe-se lá como, a Dilma era eleita sucessor do Lula e, na posse, você lá estava puxando o séquito dos submissos e ávidos pela instalação de uma ditadura no Brasil. Vivemos o período de exceção militar e agora iremos entrar nas trevas da esquerda linha dura corruptíssima. Certamente, você poderá ser assessor de qualquer aspone do sexto escalão do Ministério da Fazenda. Felizmente, isso não passa de um pesadelo. De minha parte, no dia 3, sairei do Leblon para votar em Copacabana no Serra. Um homem honesto e preparado. Antes do dia 3, que tal se você for pra Caracas ou Havana? Que fique por lá. Boa viagem.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s